Contos Pornos De Incesto – Sexo Entre Filha e Pai Narrado Pela Ninfeta

Contos Pornos De Incesto – Sexo Entre Filha e Pai Narrado Pela Ninfeta

20 de junho de 2021 Off Por zoofiliabestyalit

Contos Porno Incestuosos

Todos que curtem contos pornos de incesto vão dar uma conferida nesse relato erótico de incesto entre pai e filha. Serão duas partes onde a gata relata como foi sua primeira transa com ái e seu primeiro anal.

Vivo momentos de delírios que nunca esperava que fossem tão alucinantes! Todos que me conhecem sabem do imenso fascínio que tenho pelo meu pai, com o qual fiquei alguns anos sem ter o menor contato, porque brigamos pelo fato dele não aceitar o meu “ex-namorido”, o que motivou minha saída de casa.

Bem, após isso, decidimos que eu continuaria estudando em Sumaré, no interior de São Paulo, só que alugamos uma casa para eu morar sozinha (foi em Dezembro de 2015). Passei o final de ano na casa dele, dormi todas as noites na cama deles, no meio de meu pai e minha mãe! Ain, foi maravilhoso, fui muito enconchada por ele, muito peguei no pau dele… Mas ali não passou disso. Ele me tratava com muito carinho, eu me apaixonava cada dia mais. E ele me disse assim: – Eu mesmo vou te levar à Avaré… UHUUUUUUU… Gelei, e pensei: Ahh!

No dia de voltar à Sumaré, arrumei tudo e ele me trouxe, minha mãe não veio. Como chegamos no final da tarde, eu lhe disse: – Papai eu vou fazer uma jantinha pra nós, você dorme aqui, e amanhã você vai!

continua depois da publicidade

Ele concordou! E eu tive a certeza de que a sua concordância era proposital!

Depois de jantarmos, eu lhe disse: – Papai aqui só tem uma cama e como já estou dormindo há dias, na cama com você e mamãe, não vejo problema em dormirmos só nos dois aqui na minha cama, né…

Nesse momento ele se aproximou de mim, e disse: – Marcinha, você é uma filha maravilhosa, e se tornou uma mulher muito bonita e atraente! Eu sei o que você quer! Pensa que eu dormia quando você pegava no meu pau??? Eu relutei, mas tb não aguento mais, agora quero você, como filha sim, mas uma filha amante… Uma filha que nutre um sentimento de prazer pelo pai, pois eu já sou um pai que nutre um sentimento pela filha…

Não o deixei falar mais nada! Beijei-o, sim beijei a boca dele, mas com força, com desejo, sem pudor algum!

Ele me retribuiu, e nos abraçamos forte, e caímos na cama, numa loucura intensa, fervente, estávamos desesperados por aquilo, eu o queria há muito tempo, e vim, a saber, que ele tb me queria… Ah, como foi maravilhoso! Deixei que ele conduzisse…

continua depois da publicidade

Ele me beijou, me abraçou, me apertou, me despiu… Deitou-me na cama, me beijou todinha e sem demora, me invadiu desesperadamente com o seu pau quente… Minha vista escureceu, flutuei, não percebi mais nada… nusssssss como foi maravilhoso… não sei quanto tempo durou, mas sei que fui à lua… fui e voltei várias vezes. Transamos várias vezes!

No dia seguinte ele voltou à Piracicaba, mas nos falamos pelo celular a cada 5 minutos, não consigo ficar sem falar com ele…

Ain, tô até anestesiada de tão feliz! Tô achando que vamos continuar… Vocês acham que dá certo?

Quero agradecer a todos que têm me dado apoio! Voces são muito lindos! Brigada mesmo, viu… De coração, agradeço!

Beijo bem gostoso da Marcinha!

continua depois da publicidade

Primeiro Anal Com Pai Safado

Eu tinha medo! Tinha receio, sentia-me encabulada… Tinha vergonha de pedir, não imaginava qual seria a reação dele… Ah, mas o desejo era grande, eu gosto, sempre gostei de sentir meu cu preenchido, mas ele não tomava a iniciativa, meu pai não demonstrava desejo de fazer anal comigo… Putz, isso estava judiando de mim, pois eu desejava, mas não sabia como tomar eu mesma a decisão de falar a ele que eu queria…

Até que um dia, quando eu estava chupando o pau dele, e já não aguentando mais de vontade de ser enrabada… Criei coragem, e desci com minha língua até no cu dele… Ainnn foi bem rápido… Fechei meus olhos, como quem esperava uma repreensão… Travei, gelei, fiquei paralisada por uns instantes… Mas quando percebi que ele não se alterou, pensei: Se ele não reclamou, vou de novo! Nusssss voltei com minha língua e lambi o cu do meu pai, mas dessa vez lambi mesmo, chupei, e enfiei a pontinha da minha língua no cuzinho dele… Ahhh como foi bom, como foi gostoso… E ele deve ter gostado também, pois me puxou, beijou minha boca e enquanto me beijava levou a mão ao meu reguinho… Ainnnn que delícia sentir os dedos do meu pai deslizando pelo meu cu…. Nussss me estremeci…

E claro que ele percebeu e me perguntava ainda beijando minha boca: – Você gosta aqui? Você gosta no cusinho? Você gosta que pegue no seu cu? Você quer que eu bote meu pau no seu cu?

Nussss entrei em transe! Eu respondia palavras desconexas, mas sem parar de beijar-lhe a boca, dei um jeito de fazê-lo entender que eu gosto, e que queria! Ainnnn acho que finalmente ele me entendeu, pois me virou de costas pra ele, me deixou de quetro, e passou a beijar minha bunda… Ainnn eu me arrepiei toda, e ele beijou meu cu!!! Nussss entrei num estado de êxtase, e ele percebendo, passou a lamber meu cu, e beijar… ain que delícia, meu pai botou um dedo no meu cu…

Aí eu não aguentei mais, perdi a vergonha que antes me dominava, e pedi: – Ain pai, ain meu pai, me come!

Mas ele judiou um pouco mais, me perguntando enquanto enfiava um dedo no meu cu: – Aqui… Aqui… Você quer aqui? Quer que eu coma seu cuzinho?

Nusssss naquele momento não haveria mais nada que me segurasse, eu estava doida de desejo, e aos berros, respondi: – Come pai… Eu quero sim… Quero que você me coma o cu… Mete, mete logo…

Putz, nunca vi meu pai tão furioso! Ele se transformou, nem sei de onde veio tanta força nele, e me disse: – Ah minha filhinha amada, minha filhinha putinha, minha filhinha que eu adoro comer… Agora você vai sentir o meu cacete no teu rabinho…

E, com carinho, mas firme, ele disse mais: – Abre filhinha, abre bem esse cusinho lindo que você vai sentir meu pau entrando!

E eu disse: – Ai bota, bota tudo…

E ele botou, botou mesmo, meu pai enterrou o pau no meu cu, eu pude sentir entrando, ain como eu gosto de sentir um pau entrando no meu cu…

Foi a transa anal mais maravilhosa que eu já tive!

Um super beijinhu a todos!